quarta-feira, 13 de maio de 2009

Tarde demais.



Filha, estudante, namorada
Toda errada

Queria mais da sua vida ganhar;
Pisou em falso.
Tentou de novo.
Tarde demais.

"Ela partiu pra bem longe;
distante o bastante para suportar."

Olhou para trás,
tarde demais...
Luzes altas em uma noite estrelada,
de lua inigualada.

Não fugiu.
Era tarde demais.

Sangue no asfalta,
Vozes ao alto;
Era o fim do que nem começou.
Uma vida acabada 
Por não ter um sentido,
Jamais se pensou!


(KS) (09/08/08)

Nenhum comentário: